Dúvidas? Entre em contato: (11) 2223-3310 / cadastro@esperia.com.br

Esperiota é premiado em Concurso Nacional de Literatura

Mais uma vez o esperiota Magnus Castanheira se destacou no Prêmio Nacional de Literatura dos Clubes, fruto de uma parceria cultural entre o SINDI CLUBE de São Paulo e a Confederação Nacional dos Clubes – FENACLUBES. O concurso  também teve apoio da Academia Paulista de Letras (APL), que formou a comissão julgadora composta por especialistas em cada gênero literário para analisar os textos inscritos.

Magnus foi anunciado como um dos vencedores e recebeu o parecer da comissão julgadora. "Em terceiro lugar, comparece o autor de quadras em redondilhas maiores, bem ao costume

do nosso cancioneiro caipira, nas suas louvações, cantigas e incelenças. Traz o resgate de memórias ao mesmo tempo em que registra os costumes e a sonoridade do nosso povo. São quadras suculentas, realmente de abrir o apetite. Esse mineiro representa o Clube Esperia, de São Paulo.  É Magnus Castanheira, com a sua "Culinária caipira”.

O esperiota ficou com 3° lugar na categoria poesia com a obra “Culinária Caipira”. Magnus participa do concurso todos os anos, desde 2011. Este ano o concurso contou com 170 obras inscritas de 46 clubes de todo o país. Além de um prêmio em dinheiro, o esperiota  terá sua suas obra publicada em um livro de coletâneas que terá distribuição em todo o território brasileiro.

A premiação acontecerá em novembro, no Club Athletico Paulistano em data a ser definida.  Confira abaixo a obra que rendeu o prêmio ao autor esperiota.

culinária caipira

angu de fubá bem grosso

muito tutu e torresmo

é tudo que quero mesmo

na mesa posta do almoço

e que a minha janta tenha

pra leve ficar meu fardo

a galinha de molho pardo

feita num fogão a lenha

quero café de chaleira

e couve bem picadinha

na banha que se cozinha

na nobre terra mineira

finalmente a sobremesa

de goiabada com queijo

vai matar o meu desejo

compensar minha magreza

como não me quero insosso

vou beber muita cachaça

importa sair com graça

do fundo deste meu poço

quero mesmo um trem assim:

este cardápio lembrança

que me resgate criança

bem lá do fundo de mim

Chico de Botucatu

Sobre o Autor

Por promenade / Administrator, bbp_participant on set 10, 2018

Nenhum Comentário

Deixe um comentário